quarta-feira, 28 de março de 2012

Jornalista de Rondônia lança Manual de Gerenciamento de Crises para o Judiciário no STJ

Jornalista de Rondônia lança Manual de Gerenciamento de Crises para o Judiciário no STJ

Sofrer uma crise com a opinião pública é tão difícil quanto enfrentá-la. A constatação pode ser vista diariamente nos jornais, sites noticiosos, redes sociais e outros meios tecnológicos de informação onde é cada vez mais comum ver organizações públicas ou privadas, bem como pessoas, em total “apuros” na mídia.

Quando em situações de crise, os assessores de comunicação, que geralmente são os responsáveis pelo gerenciamento, deparam-se com a seguinte pergunta: o que fazer?

No Brasil, o poder público já é figura “carimbada” nas crises com a sociedade, fato que atinge todos os poderes, inclusive aquele tido muitas vezes como inatingível e de conduta ilibada, o Judiciário.

Foi pensando nisso, que o jornalista e servidor da Justiça do Trabalho em Rondônia e Acre, Celso Gomes, escreveu o Manual de Gerenciamento de Crises Institucional com a Opinião Pública, a ser lançado nesta quarta-feira (28), às 18h30, no Espaço Cultural do Superior Tribunal de Justiça (STJ) em Brasília.

Na oportunidade, será formada uma mesa redonda com a participação dos jornalistas Antônio Paulo, diretor da executiva da FENAJ - Federação Nacional dos Jornalistas; Moacir Maia, presidente do Fórum Nacional de Comunicação e Justiça (Fncj) e o autor Celso Gomes.

A obra é resultado de uma longa pesquisa e de estudos de casos, nos quais o autor verificou não haver na literatura brasileira um manual para prevenir e gerenciar crises de imagem com a opinião pública, especialmente na esfera do Poder Judiciário. Nela são apresentados conceitos, os principais fatores que podem gerar crises no Judiciário, medidas a serem adotadas, comunicação na esfera pública, novas mídias, mensuração dos resultados e, um dos itens mais importantes, dicas proativas de prevenção às crises e de como evitar prejuízos maiores.

Para o autor, que também é bacharel em Direito, embora o Manual tenha um foco mais para o Poder Judiciário, é aplicável em organizações pública e privadas. Algumas experiências com crise, a exemplo do caso que envolveu o ex-juiz Nicolau dos Santos Neto, do TRT de São Paulo, entre outros como escândalos envolvendo parlamentares e membros do Poder Executivo, disse.

O conteúdo apresenta-se acessível e de fácil localização a qualquer público, seja comunicador social, magistrado e membros operadores do direito e da Justiça.

Além do STJ, o lançamento tem o apoio da L. Gomes Advogados Associados, New Now Comunicações e Fórum Nacional de Comunicação e Justiça (FNCJ), Roberta Von Doelinger, Assessora e Produtora Literária.  O evento contará com apresentação musical de André Porto.

Sobre o autor

Celso Gomes é graduado em Comunicação Social (Jornalismo) pela Faculdade de Rondônia (Faro) e pós-graduado em Gestão e Planejamento Estratégico em Comunicação pela União das Escolas Superiores de Rondônia (Uniron). Graduou-se também em Direito pela Universidade Federal de Rondônia (Unir). É membro fundador e ex-presidente do Fórum Nacional de Comunicação e Justiça (FNCJ) e do Congresso Brasileiro dos Assessores de Comunicação da Justiça (Conbrascom).

É servidor da Justiça do Trabalho e atua desde agosto de 2001 na Assessoria de Comunicação Social do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região (Rondônia e Acre). Idealizou e apresentou por nove anos consecutivos o programa de televisão Justiça & Cidadania veiculado em todo o Brasil pela TV Justiça e outras emissoras regionais.

(Assessoria de Imprensa)


terça-feira, 20 de março de 2012

Vídeo - Lançamento do Livro "Viver Não É Preciso"

Lançamento realizado no dia 15 de março de 2012 na livraria Laselva do Shopping Conjunto Nacional. Brasília - DF


Livro: Viver Não é Preciso
Autor: Aharom Avelino
Editora: Livros Ilimitados
Agente Literária: Roberta Von Doelinger
Produção Cultural: Gacy Simas e Roberta Doelinger

segunda-feira, 19 de março de 2012

O lançamento do livro "Viver Não É Preciso", pelo autor Aharom Avelino.

SÍNDROME DE PETER PAN


A jornalista Juliana Castro, eu e as produtoras culturais Betta Doelinger e Gacy Simas

Oi,

Gente, o lançamento do livro VIVER NÃO É PRECISO aqui em Brasília foi babado e confusão. Um bando de gente grande (outras nem tanto) se reuniu na livrariaLaselva do shopping Conjunto Nacional para a noite de autógrafo.

Com o Danilo e a Cris

Com a Juciane

Quem esteve por lá pode matar a saudade dos anos 80 (a história se passa nessa década). Enquanto rolava o evento, vídeos relembravam nossos ídolos: Paquitas, Chacrinha, He-Man, Ursinhos Carinhosos, Viva A Noite, Dominó, Trem da Alegria, Xuxa, Os Abelhudos... teve de tudo um pouco.






Professora Consuelha

Detalhe, quem comprava o livro ganhava na hora um kit com docinhos e coisinhas como: dadinho, guarda-chuva de chocolate, bananada, paçoquinha, apitos e até pirocóptero. Um luxo só organizado pelas produtoras culturais Gacy Simas eBetta Doelinger com o apoio da Livraria Laselva e da editora Livros Ilimitados.

Se você não pode ir ao lançamento do livro, perdeu uma festa e tanto, mas você pode ter o livro em mãos, ele está à venda nos sites das livrarias abaixo, basta clicar na empresa de sua preferência.




É isso, minha gente. Espero que todos comprem... ajuda aí, vai...rsrsrs
Com a professora Márcia Assis 

Com a escritora Vânia da Academia de Letras de Brasília e seu marido

Família que lê unida arrasa

Professora Alda

@aharomavelino

Serviço:
Editora Livros Ilimitados: Adquirir Obra

terça-feira, 13 de março de 2012

Livraria Laselva - Uma grande parceira

Esta postagem é para agradecer o empenho, dedicação e carinho que a Livraria Laselva tem me oferecido. Só tenho mesmo a agradecer. Desde a atenção das meninas do Café da Laselva do Shopping Conjunto Nacional, até a equipe do marketing em São Paulo. Agradeço por ter conhecido a Priscila Saldanha, um pessoa maravilhosa e profissional sem igual. A Laselva faz o escritor se sentir o que ele realmente é, o astro, o artista. Ela pensa como eu, sabe valorizar os escritores e a importância de divulgar a literatura brasileira.
Para o lançamento do livro "Viver Não é Preciso", do escritor Aharom Avelino, da editora Livros Ilimitados, a Laselva criou um vídeo/convite bem preparado, bem elaborado, feito por pessoas que captaram a essência da obra. Criou flyers, jogos, banners. Tudo com muito carinho.
Priscila Saldanha tem me dado todo o suporte e nos entendemos perfeitamente desde o início. Juntas eliminamos dúvidas, criamos e elaboramos ideias. E muitos projetos hão de vir.
Dia 15 acontecerá o lançamento do livro "Viver Não É Preciso", mas o sucesso já aconteceu. Obrigada, equipe Laselva!
Eu, minha amiga-sócia-parceira, a escritora e produtora cultural Gacy Simas, o escritor Aharom Avelino, agradecemos muito. Agradeço também em nome da editora Livros Ilimitados que, assim como nós, tem por filosofia a difusão da literatura brasileira.
E que o evento do dia 15 seja um... de muitos!!

Vi no site da Livraria Laselva a seguinte frase: Coloque mais que livros no seu carrinho!
Está certíssima, além de produtos variados, coloque também atenção, respeito, carinho e parcerias!!



A escritora e produtora cultural Gacy Simas, eu e o escritor Aharom Avelino na Livraria Laselva do Shopping Conjunto Nacional.
Livraria Laselva,  Grata, sempre!
Roberta Von Doelinger

quarta-feira, 7 de março de 2012

Release Imprensa - Viver Não É Preciso

Viagem no Tempo

Livro “Viver Não é Preciso” é lançado na Laselva

Livro de Aharom Avelino faz uma viagem à década de 80 resgatando curiosidades e relembrando fatos marcantes da época. A sessão de autógrafos é na Laselva de Brasília Unidade do Shopping do Conjunto Nacional dia 15 de março

A livraria Laselva realiza no dia 15 de março o lançamento do livro “Viver Não é Preciso”, de Aharom Avelino. O evento ocorre a partir das 19h30 no primeiro piso da unidade da Laselva do Shopping CNB, em Brasília, onde a obra será comercializada e autografada pelo autor.

“Viver Não é Preciso” convida o leitor a viajar pelos anos 80, mostrando quais eram os hábitos dos jovens da época. Com narração em primeira pessoa, o personagem principal conta como as crianças se divertiam quando ainda não existia internet e outras tecnologias, quais as músicas que ouviam, os programas de televisão mais assistidos e outras curiosidades.

“O lançamento é uma oportunidade para os leitores conhecerem o autor, Aharom Avelino, além de outras obras em diversos estilos literários que a Laselva oferece”, afirmou o diretor Comercial e Operações - Editorial e Mix, Marco Aurélio Moschella.

Aharom Avelino é ator, escritor, professor de língua portuguesa e roteirista. “Todo mundo com mais de 30 anos sabe que a década de 80 foi a melhor das melhores. E nem venham com esse papo de década perdida. Não foi. Os anos 80 foram os mais criativos, mais coloridos, mais divertidos,” afirma o autor no blog http://aharomavelino.blogspot.com/, onde é possível conhecer um pouco mais sobre seu trabalho.

Para agregar ainda mais ao lançamento, o espaço escolhido dispõe também de uma cafeteria da marca Laselva, que oferece produtos variados e de ótima qualidade, para atender um público exigente e qualificado. “Temos uma grande estrutura disponível para esse tipo de evento, que merece todo respaldo. No dia a dia é a mesma estrutura para aqueles que apreciam boa leitura, espaço aconchegante, funcional e claro, um bom café para acompanhar”, conclui Marco Aurélio Ferreira, diretor Comercial e Operações – Alimentos e Bebidas.

Serviço
Lançamento do livro: Viver não é preciso
Data e hora: 15 de março, a partir das 19h30.
Local: Shopping CNB – Brasília/DF

Título: Viver Não É Preciso
Autor: Aharom Avelino
Editora: Livros Ilimitados
ISBN: 978-85-63194-72-5
Páginas: 72
Formato: 14X21 / miolo PB
Preço de capa: R$ 25,90

Sobre a Laselva - Fundada em 1947 por Onófrio Laselva, a empresa inaugurou sua primeira loja no saguão do Aeroporto de Congonhas (SP) visando captar os clientes que estivessem em trânsito. Em seis décadas de atuação, a marca Laselva concentra seu foco estratégico no varejo de viagem e está presente nos principais aeroportos do Brasil, que concentram 90% do fluxo de passageiros do país, além dos portos de Santos e Rio de Janeiro e terminais metroviários, rodoviários e ferroviários. www.laselva.com.br.

 Informações para Imprensa
KB Assessoria em Comunicação - www.kbcomunicacao.com.br
(11) 4332.9808 | (11) 7810.7520
Kelly Boscarioli – kelly@kbcomunicacao.com.br (11) 9211-7420
Fernanda Merlo – fernanda@kbcomunicacao.com.br
Hanna Estevam – hanna@kbcomunicacao.com.br
Fonte: www.laselva.com.br

Para informações e/ou contato com autor:
Roberta Von Doelinger - Assessora e Produtora Literária - bettadoelinger@gmail.com
Gacy Simas - Escritora e Produtora Cultural - gacy.simas1@gmail.com


Vídeo de divulgação do lançamento:

Para quem sente saudades dos anos 80 (Quem não sente não é?) não pode perder o lançamento do livro "Viver Não é Preciso"do autor Aharom Avelino. E você, claro, é nosso convidado especial. 

Ah! e não esqueça no dia de dar Check In e ganhar 10% de desconto no livro!


segunda-feira, 5 de março de 2012

Lançamento - Manual de Gerenciamento de Crises

Jornalista e advogado Celso Gomes fala ao programa Justiça & Cidadania sobre dicas de Gerenciamento de Crises e anuncia data de lançamento de um MANUAL DE GERENCIAMENTO DE CRISES, para dia 28 de março, no Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília(DF). Entrevista gravada dia 17 de fevereiro de 2012 em Porto Velho/RO.





domingo, 4 de março de 2012

Viver Não é Preciso - Aharom Avelino (15/03)


"Nos anos 80, quando não havia internet e outras modernidades, como as crianças se divertiam? 'Viver Não É Preciso' procura fazer uma viagem encantada pelos incríveis anos da década de oitenta."

Lançamento da obra "Viver Não é Preciso", autor Aharom Avelino. Editora Livros Ilimitados. Dia 15 de março na Livraria Laselva do Conjunto Nacional. Não Percam!! E compartilhem!!




Reunião sobre o lançamento, com a escritora e produtora cultural Gacy Simas, eu e o escritor Aharom Avelino. Livraria Laselva do Conjunto Nacional - Brasília

video
Vídeo preparado pela Livraria Laselva para divulgar o lançamento.

quinta-feira, 1 de março de 2012

A Mulher e Sua Luta Épica Contra o Machismo

A mulher e sua luta épica contra o machismo 

Escrito por Judivan J. Vieira, o livro é fruto de 5 anos de pesquisa e da constatação de que o machismo não tem fronteiras: desde o império egípcio até o ainda vigente império norte americano, sem desprezar a visão do “Dragão“ que se avizinha.


A editora Thesaurus lançará no dia internacional da mulher (8 de março), em Brasília (Carpe Diem restaurante Brasília Shopping), a partir das 19h, um livro que também investiga a visão espanhola, portuguesa e africana como introito da formação da mulher brasileira e latino americana, demonstrando a nociva influência do machismo na música e literatura brasileira, para culminar com as perspectivas futuras de uma relação simétrica entre homens e mulheres. Impossível não perceber que o autor é feminista, amante da liberdade da mulher e crente que o mundo será melhor na medida exata em que ela alcança proeminência social. 

Segundo o autor, "a ideia surgiu da leitura do livro ‘Matrimônio Incaico’, de Ricardo D. Rabinovich-Berkman, no primeiro semestre do doutorado em Ciências Jurídicas e Sociais em 2007. Pensei: Por que não investigar o papel da mulher nos impérios mundiais, de modo que o leitor possa acompanhar de forma linear sua luta épica contra o machismo? Mas, pensando bem, além disso, a primeira motivação que tive para escrever este livro foi minha mãe. Cresci me perguntando como uma mulher pobre, nascida no Nordeste brasileiro onde o machismo era tão evidente, tinha forças para lutar e vencer tanto preconceito. Essa observação prática, auxiliada pelo gosto pelo estudo da História, Filosofia e Direito, me trouxeram até aquí, certo de há muito, muito chão para percorrer. Eu só não queria esperar mais porque como diz David Schwartz, em seu livro A mágica de pensar grande, ‘esperar que as coisas sejam perfeitas é esperar para sempre’. Espero que este livro seja um despertamento para outros autores que façam o tema luzir ainda mais…"

A linha do livro é histórico-jurídica e a obra está dividida em capítulos que representam indagações, relatos e constatações históricas. Ao final, o autor traça uma perspectiva confiante para o futuro porque crê "que esse caminho de luta épica da mulher não é mais uma semente lançada na terra. Já estamos na fase da colheita". 

Surpresas
O autor surpreendeu-se ao constatar que a teoria criacionista tenha dado tanto valor à mulher no Jardim do Éden e depois os homens religiosos a tenham diminuído tanto. "Surpreendi-me que na teoria evolucionista, lá pelos idos do século 18 a.C., Hamurábi tenha se compadecido das viúvas, mas em 68 das 282 leis de seu Código tenha feito referências preconceituosas condenando a mulher à morte por um estúpido adultério, determinando que, mesmo inocente, a mulher deveria saltar no rio, pela honra de seu marido. Mas, também surpreende ver como Cristo honrou as mulheres, como tratou bem as putas e desprezou alguns sacerdotes que entendiam a letra fría da lei, sem entender que o amor é a maior de todas as políticas de inclusão. Eu não tenho medo de dizer que Cristo foi um amante das mulheres", assinala Vieira. 

O autor

O procurador federal, professor e escritor, Judivan J. Vieira, é paraibano, nascido em um Sítio chamado Dois Riachos e criado em Brasília desde os 5 anos de idade. Esse é quarto livro dele pela editora Thesaurus. Ele já lançou livros jurídicos, auto-ajuda, Contos e um romance. É, também, professor de cursos preparatórios para concursos(www.projud.com.br) e articulista da revista Informação Trabalhista.






Serviço: 
Lançamento: Quinta-feira, dia 8 de março de 2012, a partir das 19h, no Carpe Diem restaurante, no Brasília Shopping.

Livro: A mulher e sua luta épica contra o machismo
Autor: Judivan J. Vieira
Editora: Thesaurus
Páginas: 196
Valor: R$ 30,00

Imagens: Arquivo pesssoal - cedido pelo autor
Capa: Editora Thesaurus
Conheça mais sobre o trabalho do autor Judivan J. Vieira